Qual a relação do gerente de Expansão e o crescimento da rede?

Como um gerente de Expansão pode contribuir para o crescimento de uma rede? Conheça as habilidades que este profissional aplica no dia-a-dia e que podem contribuir diretamente no sucesso do negócio.

Quando falamos nas diversas funções e habilidades requeridas de um gerente de expansão, rapidamente entendemos o quanto versátil este profissional deve ser.

Pois ele é o responsável pelo crescimento da rede através da busca de novos parceiros engajados no fortalecimento da marca.

Um perfil versátil, facilitador, comercial e mediador de conflitos são algumas características inerentes a ele.

Facilitador

Este profissional busca o entendimento do potencial franqueado sobre o modelo de negócio, estreitando os vínculos entre ele e marca.

Procura entender se o perfil deste candidato é o que a marca desenhou para ficar à frente da franquia.

Ou seja, facilita os trâmites sejam eles jurídicos, operacionais ou comerciais entre as partes.

Mediador de conflitos

Claro que você já deve ter percebido que esta pessoa facilitadora, além de versátil, é um especialista na gestão de conflitos.

É preciso estar aberto a ouvir e entender os 2 lados – franqueado e franqueador – buscando aqui o melhor resultado para a rede.

Além do domínio do negócio, é preciso lidar com gente, buscando harmonia e o melhor resultado de ambas partes.

Versátil

E esta versatilidade será imprescindível para entender as necessárias diferenças de gestão, de características regionais, de mudanças importantes para melhor performance da unidade, respeitando claro a essência da marca e o propósito do negócio.

Desta forma, todos saem ganhando com a oportunidade de unidades com resultados positivos e o desejo do franqueado em abrir mais unidades, fortalecendo assim a rede.

Comercial

O domínio do negócio, traz ao gerente de expansão assertividade em entender quais regiões, cidades, bairros, shoppings, o modelo de negócio terá mais sucesso.

O jogo de cintura, a capacidade de negociação junto aos shopping centers abre caminho para que unidades sejam abertas com um real potencial de faturamento.

O próprio DNA comercial, o entusiasmo e o conhecimento da marca deste profissional, agrega, converte e engaja pessoas efetivamente interessadas em crescer com a rede.

Ou seja, franqueado e franqueador jogando no mesmo time.

Isto é fantástico quando se fala em franquias.

Parcerias reais construindo a solidez da marca.

Receba nossos conteúdos

Cadastre-se e receba regularmente nossa newsletter com conteúdos relevantes sobre gestão e negócios.

Comentários

5 1 vote
Avaliação
Inscrever
Notificar
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimos conteúdos

Seleção de franqueados: e agora?

Você identifica que seu negócio é escalável? Tem atratividade? De fácil operação e possui lucratividade? Por que não franquear? Mas.. para quem vender?