Abrir franquia em shopping

Vale a pena abrir franquia em shopping?

Você está pensando em abrir franquia em shopping e mas está em dúvida se seria melhor franquia em shopping ou franquia em loja na rua?

Não existe fórmula mágica para ajudar na sua decisão.

Porém, é possível analisar alguns fatores para que você saiba se está disposto ou não a enfrentar as vantagens e desvantagens.

Confira as dicas que preparamos para te ajudar a decidir se você deve abrir uma franquia no shopping!

 

Desvantagens de abrir franquia em shopping

 

Em um primeiro momento, abrir uma franquia em shopping parece perfeito.

Aquele grande fluxo de pessoas parece dar a certeza de que os negócios irão fluir bem.

Porém, como em tudo na vida, precisamos levar em conta as desvantagens:

 

1) Você precisa seguir as regras do shopping

 

Os centros comerciais têm seus horários de funcionamento próprios.

Isso significa que você precisará respeitar estes horários, quer queira, quer não.

Se o shopping funciona das 10h às 22h, sua loja precisa estar aberta em todo esse tempo.

Do contrário, você corre o risco de pagar uma multa contratual.

Nas datas de maior movimentação, como o natal, por exemplo, esse horário pode se esticar ainda mais.

É comum que alguns shoppings fechem depois das 22h.

Além disso, o shopping tem suas normas para chegada de mercadorias e manutenção das lojas, o que significa que você terá que seguir essas regras também.

2) Você precisa pagar o condomínio

 

Os centros comerciais, além do aluguel, possuem uma taxa de condomínio, que inclui taxa de marketing, propagandas do shopping, etc.

O problema aqui é quando o seu faturamento do mês não está muito bom.

O shopping não vai associar isso à taxa de condomínio, portanto, você terá esse custo independentemente de estar vendendo bem ou não.

Isso somado aos seus custos com funcionários, fornecedores, taxas de royalties, etc.

 

3) Você pode ter que pagar pelas luvas de ponto

 

As luvas de ponto são o valor intrínseco que esse ponto tem e equivalem a um direito de uso do local.

Muitos shoppings cobram esse pagamento e você só pode recuperá-lo caso um dia feche a loja e tente vender o ponto para outra pessoa.

 

Vantagens de abrir franquia em shopping

 

Claro que, apesar das desvantagens acima, há inúmeros bons motivos para se pensar em abrir alguma franquia em shopping.

 

1) O fluxo de pessoas é contínuo

 

Independentemente de estar fazendo muito frio, muito calor ou chovendo, o fluxo de pessoas no shopping não diminui.

Isso porque é um dos locais mais procurados pelas pessoas para fazer compras e passear.

Nas lojas de rua o clima acaba influenciando nas vendas, por isso é comum ver ruas comerciais vazias quando está chovendo, por exemplo.

Já no shopping você não tem esse problema.

 

2) O shopping tem um estudo do fluxo de pessoas

 

Antes de abrir a sua loja você já tem acesso a um estudo sobre o perfil das pessoas que frequentam o centro comercial.

Isso significa que você saberá em média quanto vai ser o seu faturamento.

Com isso, você poderá calcular o tempo de retorno do seu investimento, o que é uma boa vantagem.

 

3) Facilidades como segurança e estacionamento

 

Além do estacionamento, que é um diferencial, você não precisa gastar tempo contratando seguranças, valets ou um seguro.

É uma preocupação a menos e aproxima ainda mais clientes.

Além disso, o shopping oferece serviços como banheiro, fraldário, além de uma diversidade de lojas para atrair clientes diversos.

Toda essa estrutura é um diferencial que só existe no shopping.

 

O que levar em conta na hora de tomar a minha decisão?

 

Como você pode perceber, há prós e contras em abrir franquia em shopping.

Por isso, é importante você pensar se está disposto a arcar com as desvantagens.

Por exemplo, você tem disponibilidade de trabalhar aos finais de semana?

Está disposto a seguir regras?

Veja se as características do shopping têm a ver com o seu ritmo de trabalho e com o seu orçamento!

Compartilhe o artigo