Mudar de cidade e abrir uma franquia

Vai mudar de cidade e abrir uma franquia? É uma boa?

Vai mudar de cidade e abrir uma franquia?

Começar a empreender requer alguns desafios.

Se for em outra cidade, a situação exige ainda mais energia.

Afinal, vale a pena mudar de cidade e abrir uma franquia?

Veja os prós e contras dessa decisão.

 

Mudar de cidade já estava nos seus planos?

 

Se você decidiu mudar de cidade e abrir uma franquia para aproveitar marcas locais ou porque a franquia só estava disponível nesta região, você deve se encaixar em uma destas situações:

 

1) Você já pensava em se mudar de cidade

 

Nesta situação, você já tinha planos, já conhecia a cidade e tinha o desejo de morar lá.

É importante você observar como funciona o segmento da sua franquia na região.

Calcule as distâncias entre a sua futura loja e os outros locais para os quais você terá que se deslocar, conheça os concorrentes, visite as ruas comerciais e shoppings centers.

Lembre-se que conhecer a cidade não quer dizer que você saiba como funciona o mercado por lá.

 

2) Você não pensava em se mudar de cidade

 

Aqui, você só está mudando por causa da franquia, mas não tinha pensado em trocar de cidade até esse momento.

Nesta situação é importante pensar se você está realmente disposto a fazer a mudança.

A cidade é realmente potencial para a sua franquia e para viver com a sua família?

Você já pesquisou onde morar, onde os filhos vão estudar?

Fazer uma mudança no susto pode não ser uma boa ideia.

Por isso, o ideal é que você visite bastante a cidade antes de começar qualquer negócio.

Nos dois casos é preciso levar em conta que você terá que planejar duas coisas trabalhosas: a sua mudança e a abertura da franquia.

Por isso, pense bem se você quer investir tempo e dinheiro nas duas coisas.

 

Como ter certeza da minha decisão?

 

Se você gosta e conhece o segmento da sua franquia e se sente seguro com a escolha há grandes chances de dar certo.

Se mudar de cidade também for tranquilo para você e para a sua família, mais um ponto positivo.

Agora, se você tiver ressalvas em alguma destas situações, talvez valha a pena pesquisar mais, conversar mais com os franqueadores e franqueados sobre suas dúvidas e adiar a decisão.

 

Dicas para abrir franquia em outra cidade

 

Se você avaliou os prós e contras e já se decidiu, confira algumas dicas importantes para começar o seu negócio:

 

• Conheça bem a cidade

 

Visite a cidade diversas vezes.

Pesquise o preço da moradia, o custo de vida, as distâncias da sua casa até as regiões centrais e como você fará para se locomover por lá.

 

• Conheça bem o mercado

 

Converse com os comerciantes e moradores locais para entender mais das demandas da cidade.

Uma boa ideia é pedir dados para a associação comercial da cidade, para que você possa entender as características do mercado na região.

 

• Conheça bem o público-alvo

 

É fundamental você saber quantos habitantes tem a cidade e como a população é distribuída.

Tem muitos jovens?

Muitos aposentados?

Qual é a renda média das famílias?

Essas informações ajudam a verificar se a sua franquia está indo para o lugar certo.

 

• Não subestime as dificuldades que envolvem abrir franquia

 

Empreender é por si só um desafio, até mesmo para as pessoas mais experientes.

Portanto, tenha bastante noção das dificuldades que você vai enfrentar e tenha em mente que você precisará de muita energia e foco para fazer seu negócio deslanchar.

 

• Esteja preparado para a fase de adaptação

 

No início nem tudo é fácil e talvez você precise mudar de estratégia conforme as demandas do público.

Por isso, é importante você pensar no que pode dar errado e como você poderia sair dessa situação.

Boa sorte!

Compartilhe o artigo