pagar-a-taxa-de-franquia

Por que devo pagar a taxa de franquia antes de realizar a busca pelo ponto comercial?

Ao esboçarem os primeiros passos rumo ao mundo das franquias muitos candidatos possuem uma angústia em comum: pagar a taxa de franquia e a busca pelo ponto comercial.

Esta costuma ser uma preocupação que se inicia cedo nos planos dos futuros franqueados.

Antes até mesmo das etapas de análise, quando se informam sobre o segmento, os números do mercado e participam de negociações.

É realmente comum que este incômodo os acompanhe durante todo o processo.

Incluindo-se aí o momento em que encontram a franquia que, enfim, oferece aquilo que mais lhes agrada – aquela marca especial que atende às suas expectativas, tanto operacionais, quanto no quesito de rentabilidade.

Nesta situação, o que já os angustiava no princípio das análises retorna como renovada preocupação.

  • Como lidar com a questão do ponto comercial, afinal?
  • Se a franquia disponibiliza diferentes modelos, qual deles escolher?
  • Qual local será o mais vantajoso?
  • A loja de rua, o quiosque, ou então as localizações dentro dos shoppings centers?
  • Neste último caso, como determinar qual das subdivisões – mezanino, segundo piso, etc. – é a melhor?
  • Tentar resolver sozinho estas questões pode ser decepcionante.

Os candidatos que procuram de forma autônoma pelo preço dos locais mencionados tendem a se assustar.

Entenda a seguir por que você deve pagar a taxa de franquia antes de realizar a busca pelo ponto comercial.

 

Breve resumo da taxa de franquia: o que é para que serve

 

Se você já faz parte dos iniciados no assunto franchising, então sabe o que é a taxa de franquia.

Para os novatos, saibam que este é o valor inicial pago à empresa franqueadora por parte do novo franqueado.

É o que permite ao candidato tornar-se parte da rede.

O investimento vai cobrir desde o direito de uso da marca, até o treinamento e suporte inicial.

Toda vez que o candidato se deparar com uma situação como a anteriormente descrita, a franqueadora intervirá em socorro.

Pois é muito comum que o poder de negociar uma boa localização esteja fora do alcance do candidato.

Este pode inclusive desconhecer o universo de locação comercial.

Ignorando, assim, os valores a ser cobrados por pontos e as formas possíveis de se recuperar o investimento.

É quando entra em jogo a experiência e o conhecimento da marca para fazer toda a diferença.

Seja este um saber a respeito do seu produto, ou sobre o mercado no qual está inserida.

O fato é que as empresas conhecem o seu trabalho e público-alvo.

Por isso entendem quais locais mostram-se mais adequados para a boa performance de uma unidade.

É preciso que o local esteja maduro para o recebimento da franquia.

 

Como o know-how da marca ajuda a definir o melhor ponto comercial

 

Por trazerem conhecimento e experiência para o processo, as marcas conseguem extrair melhor resultado na busca pelo ponto comercial.

As negociações fluem melhor desta forma e possibilitam que o local ideal seja reservado.

Esta experiência, aliada à força da marca, pode até mesmo resultar em redução de valores.

Solução que o candidato sozinho dificilmente conseguiria frente aos donos ou gestores comerciais e administrativos dos pontos.

Ciente daquilo que a empresa tem a oferecer, o franqueador pode advogar em favor das suas vantagens com facilidade.

Apontando, no caso de shoppings, o mix de marcas que tratará para o estabelecimento.

Em resumo, as negociações feitas por marcas e candidatos são completamente diferentes.

Mesmo porque o franqueador pode oferecer condições exclusivas.

Como, por exemplo, a abertura de lojas em determinadas cidades em troca de uma redução dos valores de alugueis e demais taxas.

Estratégia perfeitamente realizável quando a mesma administradora cuida de shoppings em diferentes localidades.

Estas são algumas das razões para pagar a taxa de franquia antes de realizar a sua busca pelo ponto comercial.

 

A taxa de franquia é uma segurança para a marca e um benefício para o franqueado

 

Cabe ressaltar ainda que, avançando o empreendimento com o pagamento da taxa, a franquia recebe uma comprovação do seu interesse.

Além disso, recebendo este valor o franqueador pode focar-se na sua unidade, sem medir esforços para conquistar o melhor lugar.

 

Pensemos por um instante no lado das marcas também

 

Pode ser até que aconteça de franqueadores abrirem exceções e iniciarem as buscas e negociações antes do pagamento da taxa.

Contudo, pode resultar que o candidato desista daquela marca.

Seja por razões particulares ou financeiras.

É fato que o trabalho empreendido pelo franqueador será perdido.

É também desprestígio para a marca ao final das negociações ter de informar ao responsável pelo ponto que o franqueado desistiu.

Quaisquer valores, profissionais e tempo empregados serão desperdiçados.

O que prejudica até mesmo as futuras negociações de ponto comercial.

Tenha em mente que o dono da marca é o maior interessado na escolha do ponto comercial ideal.

Afinal, esta é uma forma de garantir o melhor retorno e no menor tempo hábil.

É por isso que há um enorme empenho por parte dos franqueadores.

Estes jamais entregariam um ponto sem que houvesse a possibilidade de retorno.

O candidato pode estar seguro com a localização que será definida.

Pois se você está preocupado com o local, o dono da marca mais ainda.

Você encontrou o negócio que alimenta o seu espírito empreendedor e que faz brilhar os seus olhos?

Pague a taxa de franquia sem medo, pois o franqueador irá lhe abraçar nesta jornada.

Você estará dentro da rede com todos os benefícios que isto traz.

A marca, por sua vez, irá procurar com afinco o ponto ideal para a sua franquia.

Daí em diante, resta desejar boa sorte.

Compartilhe o artigo