conselho-de-franqueados

O que é um conselho de franqueados?

As empresas que adotam o sistema de franquias lançam mão de muitos instrumentos para dar suporte aos franqueados.

Isso garante que todos sigam os padrões da marca, mantendo a sua personalidade e a qualidade dos serviços, produtos e atendimento.

Mas é claro que para o franqueado também é muito positivo, pois o ajuda a resolver possíveis contratempos que surjam no dia a dia.

Nosso assunto de hoje é um desses canais de comunicação: o conselho de franqueados.

EXCLUSIVO

Aprenda com Especialistas em Franquias

Faça como as mais de  19.418 pessoas que se beneficiaram com nossos conteúdos

 

O que é um conselho de franqueados?

 

O conselho de franqueados é um órgão oficial e de extrema importância, por meio do qual a franqueadora se comunica com seus franqueados.

Ele é formado pelos conselheiros, que são representantes das regiões onde há unidades franqueadas daquela determinada empresa.

O conselheiro de cada região é responsável por levar para a franqueadora as necessidades do local que ele representa.

Antes de um encontro do conselho, esse conselheiro se reúne com os franqueados da região que ele representa.

Assim, todos podem dialogar e apontar as questões pertinentes que deverão ser colocadas em discussão.

 

Assuntos discutidos pelo conselho de franqueados

 

Em relação aos assuntos que devem ser debatidos nas reuniões do conselho com a franqueadora, vão do macro ao micro.

É preciso discutir aspectos gerais que interfiram no crescimento da franquia, como:

  • o portfólio de produtos;
  • o uso da verba de marketing;
  • o pagamento de royalties pelos franqueados;
  • o crescimento da ameaça da concorrência.

Mas também é importante falar de assuntos mais específicos.

Nessa última categoria, entram possíveis dificuldades de comunicação com a franqueadora que alguma região está tendo.

Ou também uma ação específica para movimentar as unidades de uma cidade e outros assuntos similares.

Essas reuniões também são boas oportunidades para alinhar as expectativas de ambas as partes e compará-las com a realidade.

 

checklist-ponto-comercial-banner

 

Troca de experiências

 

Além disso, é interessante que os conselheiros troquem experiências para que um possa ajudar o outro a fomentar o crescimento da sua região.

A ideia principal é: todos fazem parte do mesmo time e devem trabalhar em conjunto para melhorar.

Em hipótese alguma os conselheiros podem se ver como adversários.

 

Pontos importantes a serem considerados no conselho de franqueados

 

Alguns pontos são bem importantes e devem ser considerados sobre o conselho de franqueados:

  • Ele não está previsto em lei, por isso, a franqueadora tem certa liberdade nesse assunto. A marca pode definir as diretrizes que serão aplicadas ao seu conselho. Para isso, vai levar em conta o seu perfil e a sua realidade;
  • É preciso que essas diretrizes sejam bem definidas, claras e que todos os franqueados tenham acesso a elas. Transparência, de ambas as partes, é uma palavra-chave para que o conselho de franqueados cumpra seu papel;
  • Todas as regiões que possuem unidades franqueadas devem ser representadas por um conselheiro. Isso evita que algum franqueado seja injustiçado;
  • O conselho deve ter uma agenda definida, prevendo encontros periódicos. Reunir os conselheiros muito raramente ou só quando acontece algum problema não é uma medida estratégica;
  • Os conselheiros devem ser eleitos e, mais que isso: renovados. O que se recomenda é que dentro de um período estipulado, metade seja substituída por novos representantes e metade permaneça;
  • As reuniões devem ter uma pauta com o assunto que será discutido naquele dia. Naturalmente, há muitos outros temas em paralelo, mas focar em uma demanda de cada vez garante a eficiência desse instrumento;
  • É primordial que o conselho realmente atenda às necessidades daquela franquia. Se isso não estiver acontecendo, é preciso fazer uma reunião para analisar quais aspectos precisam ser reformulados.

 

Se você está pensando em investir em uma franquia, uma das questões que deve levantar com a franqueadora em potencial é exatamente essa.

Procure saber como funciona o conselho de franqueados e como a emprese se relaciona com este órgão.

Compartilhe o artigo