Franquias internacionais estão de olho no Brasil

Franquias internacionais estão de olho no Brasil

O crescimento do Brasil nos últimos anos foi responsável por atrair muitos investidores para o país. As franquias internacionais não ficaram de fora deste movimento.

O crescimento do Brasil nos últimos anos foi responsável por atrair muitos investidores para o país. As franquias internacionais não ficaram de fora deste movimento.

Segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o Brasil é hoje o terceiro maior país em franquias no mundo, perdendo a primeira posição só para Estados Unidos e China.

“O Brasil hoje é a sétima economia mundial. É um mercado em franca expansão, o mundo está de olho no Brasil e nos seus consumidores”, explica Marcelo Pimenta, professor da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

 

Tamanho do mercado

 

O tamanho do país – e do seu mercado consumidor – também é um atrativo e tanto.

Foi isso que influenciou a rede espanhola de cafeterias Saboreaté y Cafe a fincar bandeira por aqui.

“Eles estão buscando investidores no mercado nacional.

A operação já foi tropicalizada, para ficar aos moldes brasileiros.

Eles têm interesse na América Latina como um todo, e o Brasil é parte importante nesse processo”, diz José Carlos Fugice Jr., sócio-fundador da GOAKIRA, que está prestando consultoria no processo de expansão da marca.

Em um primeiro momento, a rede procura franqueados na Região Sudeste para começar a explorar o mercado.

Quatro contratos já estão assinados e as primeiras inaugurações devem acontecer até o final do ano.

A marca desembarca no país com dois modelos de franquia: loja e quiosque.

Os investimentos para abrir uma unidade ficam entre 100 mil e 250 mil reais.

Assim como a rede espanhola, várias outras ainda procuram o país para expandir.

Esta pode ser uma boa oportunidade para empreendedores que querem investir em máster franquias, o modelo em que o franqueado fica responsável pela expansão local da marca.

Antes de investir, no entanto, é preciso pesquisar e tomar alguns cuidados.

 

Conhecendo a rede de franquia

 

A primeira providência é conhecer a rede e quem são seus principais diretores.

Em conjunto com os responsáveis pela marca, é importante fazer um estudo mais aprofundado sobre as potenciais áreas de atuação no país.

O apoio de uma consultoria de franquias traz mais agilidade e eficiência ao processo.

“É preciso entender se há mesmo potencial para aquela marca no mercado”, diz Pimenta.

Em alguns casos, a “tropicalização” do negócio pode ser inviável.

É preciso entender que nem tudo que dá certo lá fora dá certo no Brasil”, acrescenta o especialista.

 

checklist-ponto-comercial-banner

Compartilhe o artigo