Franquia Cacau Show

Franquia Cacau Show

*Se você chegou até aqui e deseja saber valores da franquia, leia este artigo: Qual o preço de uma franquia Cacau Show?

Quando a ideia é investir em um negócio de sucesso, a melhor forma de acertar é pesquisando sobre o mercado.

É preciso avaliar os segmentos que mais crescem e que se apresentam como oportunidades de negócios mais promissoras.

E dentro dessa premissa, um setor em vale o investimento é o de chocolates!

Pensando nisso, acompanhe nesse artigo tudo sobre este mercado e a franquia Cacau Show.

 

Segmento doce e rentável

 

Estudos mostram que o consumo de chocolate no Brasil vem aumentando a cada ano.

Inclusive, somos o quarto país que mais consome essa iguaria.

Estima-se que, ao longo de um ano, cada brasileiro ingere cerca de 2,2 kg de chocolate, o que ainda é um número pequeno, comparando com países como a Alemanha, com 12 kg.

Mas o que importa é que essa quantidade está crescendo com o passar do tempo.

E nesse cenário, os chocolates mais finos, com um que de “gourmet” também conquistam um espaço cada vez maior.

Ou seja, além de consumir muito, o paladar do brasileiro está ficando mais exigente e sofisticado.

É por isso que as marcas que propõe sabores e acabamentos diferenciados acabam se sobressaindo em relação à grande produção industrial.

 

Franquias de chocolate

 

Já que o chocolate é tão interessante do ponto de vista de negócios, as franquias de chocolate se tornam rentáveis.

Aproximadamente 30% do faturamento de uma franquia de chocolate está associado à Páscoa.

Além de ter certa familiaridade e apreço com o ramo, para trabalhar com esse nicho de franquia também é essencial saber que em épocas comemorativas, a dedicação vai precisar ser ainda maior.

Inclusive, muitas lojas especializadas em chocolate permanecem mais horas e dias abertas quando está próximo da Páscoa, Dia das Mães ou Natal, por exemplo.

 

Sobre a Cacau Show

 

Antes de conferir todos os detalhes a respeito da franquia Cacau Show, é essencial conhecer mais sobre a marca.

Afinal, empreender em algo que pouco se sabe a respeito nunca é um bom negócio!

Hoje, a Cacau Show é uma gigante do mercado nacional de chocolates e se destaca também como exportadora.

Mas é claro que nem sempre a história foi assim.

Alexandre Tadeu da Costa foi o fundador da marca, com apenas 17 anos de idade, na zona norte de São Paulo, onde morava.

Tudo começou na Páscoa de 1988 quando Alexandre, cujo pai era tecelão e a mãe vendia produtos de beleza, resolveu revender chocolates.

Em pouco tempo, ele conseguiu uma encomenda de dois mil ovos de 50 gramas.

Ao chegar até a fábrica, ele foi informado de que não teria como produzir uma encomenda de ovos com esse peso.

Diante dessa situação, qual foi a postura de Alexandre?

Ele tomou a frente da situação e se negou a descumprir o compromisso que havia assumido com os clientes.

Colocou a mão na massa (ou melhor, no chocolate!), comprou os ingredientes e pediu ajuda para uma senhora que fazia chocolates caseiros.

E o resultado foi um sucesso: em três dias, trabalhando até 18 horas por dia, os dois mil ovos já haviam sido entregues!

 

Espírito empreendedor

 

O lucro obtido com esse pedido foi usado para criar a empresa, que no princípio funcionava em uma sala que pertencia aos pais do fundador.

Em pouco tempo, Alexandre conseguiu que seus rendimentos fossem suficientes para alugar um espaço próprio.

Se tem algo que Alexandre sempre ressalta é o orgulho de nunca ter precisado de investimentos externos.

A Cacau Show se estabeleceu e se tornou o que é hoje, sem empréstimos bancários ou nada do gênero.

 

Dúvidas Sobre Franquias? Pergunte a Malu

 

O crescimento da franquia Cacau Show

 

A primeira loja da marca surgiu em 2001 e, a partir disso, o crescimento da empresa foi ainda mais rápido.

Três anos depois, já havia cerca de 200 pontos de venda.

Em 2005, Alexandre recebeu o prêmio de Melhor Franquia do Ano, promovido pela Editora Globo em parceria com a FGV.

Em 2008, a franquia Cacau Show havia se tornado a maior rede de chocolates finos do mundo, deixando para trás a gigante americana Rocky Mountain.

A meta de Alexandre era atingir a marca de mil lojas espalhadas em todo o Brasil até 2010, e adivinha: mais um sucesso registrado na história do empreendedor.

O reconhecimento continuou, em 2013, a franquia Cacau Show levou o prêmio da categoria Varejista do Ano em Mercados Emergentes, no World Retail Awards.

Essa é uma das premiações mais importantes do mundo no segmento varejista, portanto, a vitória significa muito para a marca.

Em 2004, a marca lançou o seu plano de expansão com base nas franquias.

Essa aposta foi certeira: levou a Cacau Show para 26 estados brasileiros.

Atualmente, já são mais de dois mil pontos de venda.

 

Diferenciais da marca

 

Se você for procurar as melhores opções de franquias brasileiras para investir, é bem provável que a franquia Cacau Show vai aparecer na lista.

Caso a pesquisa seja ainda mais específica, procurando franquias do setor alimentício ou chocolates, com toda a certeza a marca estará figurando entre as indicações.

Mas, afinal, quais são os diferenciais que a franquia Cacau Show tem, que justifiquem todo esse destaque?

  • Já é uma marca consolidada no mercado. As pessoas conhecem a qualidade dos chocolates Cacau Show, por isso, ela já tem um público estabelecido. Um ótimo público, por sinal;
  • Valor agregado: a Cacau Show foi uma das pioneiras aqui no Brasil na arte de agregar valor ao chocolate. Quem compra os produtos da marca, sabe que não são apenas barras ou bombons, são presentes. Aliás, presentear com Cacau Show se tornou um hábito e isso elevou a empresa a outro patamar. Uma barra de chocolate Cacau Show não está no mesmo padrão de comparação de uma barra de outras marcar, mais populares, de produção em massa, mas que não têm esse diferencial;
  • O fato de se posicionar no mercado como uma marca que vende mais que chocolate, traz outro benefício interessante. A Cacau Show consegue atingir um segmento maior de público. Por exemplo: ela não atende apenas quem está procurando um chocolate, mas também quem quer dar um presente. Assim, ela pode concorrer com perfumarias e floriculturas. Muda-se o nível da concorrência e a prospecção de clientes é bastante favorecida;
  • O custo/benefício é outro ponto importantíssimo. Apesar de ser um chocolate fino, diferenciado desde a qualidade até a embalagem, o valor é mais acessível do que outros que se posicionam como concorrentes. É uma marca que atende perfeitamente o público exigente, mas que não quer investir demais em um presente;
  • O padrão de ambientação das lojas Cacau Show é outro diferencial que merece destaque. Falando especificamente das lojas, não tanto dos quiosques e outros modelos de ponto de venda. Pense o seguinte: a marca é especializada em doces e chocolates. É comum que empresas desse nicho tenham um layout mais lúdico, que atraia crianças. A Cacau Show investiu em um modelo que trouxesse a sensação de aconchego para os clientes. Cada detalhe é pensado para transmitir valores como afeto, quase remetendo à experiência de buscar um chocolate feito pela avó.
  • As embalagens dos chocolates da marca já foram inclusive premiadas. A empresa sempre busca inovar na apresentação dos seus produtos. Para isso, vai desde a cor até a textura ou o formato.
  • Outro diferencial é o portfólio de produtos bastante variado. As lojas vendem desde o chocolate ao leite, tradicional, até as versões com maior percentual de cacau e menos açúcar. Além das opções de chocolate diet, que atendem aqueles que estão em uma dieta restritiva por alguma razão.

 

Sobre a franquia Cacau Show

 

Agora que você já conhece a história e os diferenciais da marca, vamos entrar especificamente nos temas relacionados à franquia.

Conforme já foi mencionado, a Cacau Show abriu o sistema de franquia em 2004, ou seja, há quase 15 anos.

Atualmente, a marca disponibiliza cinco modelos de franquias, de diferentes parâmetros.

São eles:

  1. Microfranquia de distribuição (é um dos modelos mais novos e também o mais barato)
  2. Microfranquia Cacau Show
  3. Microfranquia Gelateria
  4. Franquia de Quiosque
  5. Franquia de loja convencional

Além do valor para dar o investimento inicial, existem outras características que são esperadas de quem deseja ser um franqueado da Cacau Show.

A dedicação e o zelo com os produtos é algo que a marca reforça bastante.

Também é preciso que a pessoa saiba administrar e tenha uma boa capacidade de gestão de empresas e pessoas.

Apesar de já existir um padrão consolidado pela marca, não se esqueça de que você terá a sua própria empresa.

É você que vai contratar colaboradores, lidar com as possíveis crises do cotidiano.

Também é você que terá que manter o fluxo de caixa funcionando e controlar o estoque.

É essencial que, quem deseja ser franqueado, tenha noção de que precisa de habilidades empreendedoras.

Além disso, também é importante compactuar com os valores da empresa franqueadora.

Esses valores precisam ser reproduzidos em todos os pontos de venda.

Então se, por exemplo, a Cacau Show se destaca pelo atendimento ao público, o franqueado terá que ter esse cuidado.

 

Suporte da franquia Cacau Show

 

É interessante saber qual é o suporte oferecido pela franqueadora ao franqueado.

No caso da Cacau Show, inclui:

  • o treinamento de gestão para o franqueado e a equipe que trabalhará com ele;
  • consultoria interna;
  • o fundo nacional de propaganda;
  • um conselho de franqueados para facilitar a comunicação constante deles com a marca;
  • um sistema de atendimento que oferece suporte administrativo

Além disso, é claro, o fato de a Cacau Show ter uma indústria própria que abastece as franquias com produtos, também é um ótimo diferencial.

 

Quanto custa ter uma franquia Cacau Show?

 

Como você viu anteriormente, a Cacau Show disponibiliza cinco modelos diferentes de franquias.

Cada um deles tem as suas próprias características, dentre elas, o investimento inicial.

A quantidade que você terá que desembolsar, portanto, vai depender do tipo de franquia que for escolhido.

Por isso, agora, vamos ver quais são as particularidades de cada modelo.

Assim, você poderá avaliar qual deles melhor se enquadra ao que está procurando, à sua disponibilidade e também às suas expectativas de retorno.

De acordo com informações da marca, os rendimentos esperados vão de R$ 35 mil até R$ 50 mil (essa variação depende do modelo).

A margem de lucros fica em torno de 15% desse valor.

E o franqueado consegue obter os retornos do seu investimento inicial de um ano até um ano e meio após ter aberto o seu negócio.

Vale ressaltar que o rendimento pode ser maior do que isso, dependendo de como o ponto de venda será conduzido e administrado.

 

Microfranquia Cacau Show: distribuição

 

Esse modelo foi lançado pela marca em meados de 2016.

Ele representou o primeiro passo da marca explorando outro nicho: o das vendas diretas.

A microfranquia de distribuição tem como base o sistema home-based.

É a melhor opção para quem deseja trabalhar em casa, sem precisar de um ponto comercial para comercializar os produtos.

Temos aqui mais uma prova de como essa marca consegue se adaptar às necessidades do mercado.

Em um momento de crise financeira, que poderia ameaçar a abertura de novos negócios franqueados, a franquia Cacau Show lança um modelo mais econômico, capaz de alcançar mais interessados em abrir a sua própria empresa.

As principais vantagens da microfranquia de distribuição são a flexibilidade de horários para atender e a possibilidade de montar uma rede de vendedores.

Com isso, o franqueado consegue aumentar a sua margem de lucros.

As características são:

  • Investimento inicial: a partir de R$ 19 mil. Esse valor inclui, por exemplo, os custos de instalação e o capital de giro.
  • Taxa de franquia: R$ 10 mil. É o valor cobrado pela empresa franqueadora para permitir que o franqueado utilize a sua marca. A quantia deve ser paga na assinatura do contrato, sendo um valor único.
  • Royalties: 50% das compras. Os royalties correspondem à remuneração que o franqueado concede ao franqueador todo mês, em cima daquilo que vende. É uma espécie de retribuição pelo uso da marca, produtos e de todo o suporte que a franqueadora garante.

 

Microfranquia Cacau Show: Chocolateria

 

Esse é um formato que pode ser inserido dentro de universidades, galerias, empreendimentos empresariais, clubes e outros estabelecimentos.

Neste modelo, são vendidos apenas os produtos mais tradicionais da marca.

Se você optar pela microfranquia chocolateria, também pode montar uma rede de revendedores para ampliar os lucros.

Por exemplo: se você abrir o negócio em um grande empreendimento comercial, pode colocar pessoas para vender de porta em porta dentro desse local.

Assim, além dos ganhos que terá de quem vai até o seu ponto para comprar, terá esse adicional de levar os chocolates até os consumidores.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 35 mil
  • Taxa de franquia: R$ 20 mil
  • Royalties: 50% em cima do valor das compras.

 

Microfranquia Cacau Show: Gelateria

 

Não satisfeita em explorar tantas opções de chocolate, a franquia Cacau Show também se lançou no mercado de sorvetes italianos, os famosos gelatos.

Muito saborosos, eles acabaram conquistando muitos consumidores da marca.

Foi assim que essa se tornou mais uma opção de negócio, sendo mais em conta financeiramente do que a franquia tradicional.

E engana-se quem pensa que a gelateria restringe as oportunidades de venda.

Não são apenas os gelatos que podem ser vendidos nesse formato.

Quem optar por esse modelo de microfranquia Cacau Show, também vai poder vender os waffles e cafés especiais.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 38 mil
  • Taxa de franquia: R$ 20 mil
  • Royalties: 50% em cima do valor das comprar.

 

Franquia Cacau Show: Quiosque

 

Saindo da categoria de microfranquias e indo para as franquias propriamente ditas, o quiosque Cacau Show é a opção para quem quer investir um pouco menos.

Ele tem uma estrutura mais robusta e combina produtos de todo o portfólio da marca, não sendo limitado.

Os quiosques Cacau Show fazem muito sucesso em áreas de grande circulação de pessoas, sendo muito comuns nos shoppings e hipermercados.

É importante lembrar que eles oferecem uma vantagem estratégica bastante interessante: a praticidade.

Muitas vezes, aquela pessoa não saiu de casa com a intenção de entrar em uma loja Cacau Show para comprar um produto.

No entanto, ao passear pelo shopping e se deparar com o quiosque no caminho, ela encontra uma oportunidade de levar algo.

Às vezes, até uma trufa para adoçar o dia!

O fato de colocar os produtos no caminho dos consumidores, é uma vantagem muito especial dos quiosques da Cacau Show!

  • Investimento inicial: a partir de R$ 75 mil
  • Taxa de franquia: R$ 40 mil
  • Royalties: 50% em cima do valor das compras

 

Franquia B.lem Bakery - Padaria Portuguesa

 

Franquia Cacau Show: Loja

 

Por fim, depois de todo esse percurso, chegamos ao modelo mais tradicional de franquia da Cacau Show: a loja.

Ela pode ser aberta em shoppings ou diretamente na rua, conta com todos os produtos que fazem sucesso na marca, os gelatos, waffles, fondue e petit gateau.

Muitas tem mesas e cadeiras para que os clientes possam apreciar um bom café ou uma sobremesa, o que se torna um atrativo maior.

Dentro dessa opção, existem algumas categorias:

 

Loja Cacau Show Light

Pensada para cidades menores, que também tenham uma economia menor.

Nesse caso, a franqueadora estabelece um preço mais acessível, para conseguir alcançar os empreendedores dessa cidade e incentivá-los a abrir o seu próprio negócio.

O investimento inicial é a partir de R$ 220.400.

 

Loja Cacau Show Smart

Para estabelecimentos que são bem pequenos, mas com uma localização mais estratégica.

Nesse caso, o investimento inicial custa a partir de R$ 150.000.

 

Loja Cacau Show Convencional

Para que a franquia possa ser enquadrada nessa categoria, é preciso que o estabelecimento tenha uma área de 40 m² (sendo 12 m² para o estoque e o restante para a loja).

Para abrir uma loja convencional franqueada da Cacau Show, é preciso desembolsar pelo menos R$ 250.700

 

Esses valores de investimento das lojas já incluem a taxa de franquia, além das instalações, o estoque inicial, capital de giro e o marketing inicial, na fase de inauguração.

Os royalties continuam sendo de 50% em cima do valor das compras, assim como nos modelos anteriores.

Para as lojas convencionais, a média de faturamento é um pouco mais alta, ficando em torno de R$ 70 mil por mês.

Desses, cerca de R$ 20 mil seria o lucro real, em média.

 

Como abrir uma franquia Cacau Show?

 

Assim como em qualquer franquia, os interessados precisam cumprir uma série de etapas para que possam abrir a sua unidade.

O ponto de partida é um cadastro feito no próprio site da marca.

É um questionário com informações para que o perfil do candidato possa ser analisado pela franqueadora.

Depois dessa análise, o candidato é chamado para uma reunião, na qual a franquia é apresentada.

Em seguida, a franqueadora faz a prospecção e avaliação do ponto comercial em questão.

 

checklist-ponto-comercial-banner

 

Esse ponto vai depender muito do modelo de franquia escolhido.

É avaliado o perfil da cidade (quantidade de pessoas, por exemplo), o tamanho do espaço, a localização (incluindo a presença de concorrentes num raio próximo).

Escolhido o ponto, providencia-se toda a documentação.

 

Circular de Oferta de Franquia – COF

 

Atenção especial ao COF (Circular de Oferta de Franquia), um documento em que a franqueadora descreve todas as informações de caráter financeiro, jurídico e operacional.

É importante que o franqueado esteja bem ciente de tudo antes de assinar.

Com o contrato assinado, a loja já pode ser implementada.

Depois que o ponto comercial é escolhido, em linhas gerais, a loja pode ser inaugurada em cerca de 60 dias.

 

Franquia Cacau Show

 

A franquia Cacau Show está entre as maiores redes de chocolates finos do mundo e, no Brasil, a liderança no segmento é absoluta.

Além disso, a exposição da empresa na mídia é frequente, o que também ajuda a impulsionar todos os seus negócios.

Pode ser uma ótima opção para quem está pensando em abrir o seu próprio negócio.

Contando com o know-how de uma marca que já tem experiência de mercado e um público bem consolidado, porém sempre em expansão.

Ainda mais, considerando que o setor alimentício sempre figura entre os que mais trazem lucratividade e menos sofrem com a instabilidade da economia.

Unindo todos esses fatores, vale a pena saber mais sobre essa opção de franquia e avaliar quais são os benefícios que ela pode lhe trazer.

Talvez, a sua hora de empreender chegou!

Compartilhe o artigo