Devo comprar a franquia para não perder a região?

Não encontrei o ponto comercial. Mesmo assim devo comprar a franquia para não perder a região?

Se você está pensando em abrir um negócio, certamente um dos primeiros questionamentos que lhe surgiu foi:

  • Em qual bairro eu gostaria de ter uma franquia?
  • Perto da minha casa é uma boa escolha?
  • Ou aquela esquina bem movimentada?
  • Que tal naquela outra em que o tráfego é intenso?

É a hora que você começa a vislumbrar o melhor local que podia ser o ideal para o seu negócio.

Neste momento, você começa a procurar: observa, visita quando tem um tempo, analisa quando passa de carro, liga para imobiliárias, pergunta para pessoas…

> Leia também: Como escolher o ponto comercial ideal para sua franquia

Passado um certo tempo e algumas tentativas você não acha o ponto comercial que julga ideal.

Isso, naturalmente, gera uma insegurança na compra da franquia.

Também pode te desanimar em um processo que ainda está apenas no início.

 

Devo comprar a franquia para não perder a região?

 

Quando falamos em ponto comercial específico para um negócio, o primeiro passo é conhecer as características que essa franquia possui.

O público, o local de acesso dele para a sua futura loja, os polos gerados no entorno, a vizinhança do ponto comercial – tudo isso faz diferença no fluxo do público.

São informações que, enquanto você não conhece a franquia, não domina.

Grande parte destas dúvidas pode ser sanada durante um treinamento específico que trata sobre a procura de ponto comercial.

E sabe quando ele acontece?

Somente depois que você escolhe a rede de franquia que deseja ingressar.

Por isso, não se angustie ao fato de procurar um ponto comercial e não achar.

Afinal, existem especialistas que vão ajudar.

A franqueadora pode até mesmo ter regiões previamente mapeadas, ao fazer o chamado geomarketing – que identifica as áreas ideais para a montagem da loja.

Você não está só quando abre uma franquia.

Por isso, usufrua dos benefícios e da ajuda de profissionais que farão parte do seu sucesso e também são responsáveis para que tudo funcione corretamente.

 

> Para facilitar a sua busca, baixe agora um Checklist de Ponto comercial

 

A franquia ajuda você na missão

 

Acredite: nenhum franqueador deixaria você sem um ponto comercial ou com um ponto comercial inadequado.

Por isso, o caminho ideal é entrar em contato com a marca, entender do negócio.

Avaliar se é este o nicho que se encaixa no quanto você pretende investir e no segmento que tem o desejo de trabalhar.

Em seguida, pague a taxa da franquia e inicie a busca do ponto comercial com todo o suporte dado pela franqueadora.

Seguindo esses passos você será mais assertivo na escolha do ponto e ficará menos ansioso nesta questão tão importante.

Você será orientado a questões de impedimentos legais – por exemplo, o seu negócio pode ficar no local pretendido?

E também saberá quais são as licenças necessárias para instalação, regras, responsabilidades, entre outras variáveis.

 

Com isso, você terá a autorização para funcionamento ao franqueado

 

Tenha em mente que o melhor ponto não é o mais barato ou o mais caro, nem o maior ou menor espaço.

É aquele que reúne características físicas, de adequação com o público, condições legais e comerciais.

E claro, que estejam perto do público-alvo.

Avalie o custo-benefício e demais itens que darão segurança para que você inicie o seu negócio por ali.

Claramente, a ajuda da franquia será determinante, mas tenha em mente que espaços bons são raros.

Por isso, também é preciso ficar atento às oportunidades.

Além disso, você também pode firmar parcerias com outras pessoas e potencializar o seu negócio.

Compartilhe o artigo